Traduções das escrituras crescem na Janela 10/40

Em um dos países evangelizados, cristãos constituem apenas 0,02% da população

Traduções das escrituras crescem na Janela 10/40
Há 50 anos, quando um missionário falava em levar o Evangelho para uma nova fronteira, a maioria das pessoas imaginava selvas e perigos equatoriais. Em 2011, as fronteiras são outras.

Os países não alcançados do mundo que ainda têm de ser tocadas pelo Evangelho agora permanecem principalmente no que ficou conhecida como a Janela 10/40.



Ao longo dos últimos anos, a Wycliffe Associates desenvolveu parceiros para chegar em toda esta difícil área e a preparação para uma missão: o "Novas Fronteiras".

"Estamos trabalhando junto com dezenas de parceiros ao redor do mundo que compartilham a visão de começar a Palavra de Deus nesses espaços - a utilização de estratégias criativas para usar o que for possível", disse Bruce Smith à Wycliffe Associates.

O Projeto Novas Fronteiras já trabalha a tradução da Bíblia em muitas áreas, que frequentemente estão nos noticiários.

Em um país (por razões de segurança não citaram o nome), os cristãos constituem apenas 0,02% da população. Não é novidade que eles estão desesperados pela Palavra de Deus.

"Nós agora temos relações com as igrejas emergentes, grupos emergentes nesta região do mundo. E esses são aqueles cujo apetite e cuja sede da Palavra de Deus é realmente urgente", diz Smith.

"Eles estão vivendo em uma espécie de perseguição de situações, eles estão ansiosos por boas notícias É o tipo de lugar onde a escuridão é tão densa que a luz faz uma diferença enorme", completa Smith.

A tradução das Escrituras já foi utilizada como uma ferramenta evangelística nessas arenas também. Smith conta a história de um tradutor com seu trabalho: "Um dos meus amigos trabalha na tradução da Bíblia em uma área que frequentemente aparece nos noticiários.

As pessoas lá têm sido basicamente criadas e condicionadas a serem anti-cristãs. Assim, uma das suas escolhas para a tradução das Escrituras no início foi realmente em Atos, contando a história da conversão de Saulo. É claro que quando ele começou a contar a história, todos pensavam que Saul foi um grande herói, porque ele era anti-cristão, exatamente como eles foram.

Ao falar sobre sua experiência de conversão e como ele posteriormente tornou-se um líder para Deus - em termos de trazer a verdade e trazendo boas notícias para as pessoas - isso realmente chamou a atenção deles e ajudou-os a perceber que eles não estão fora do alcance do amor de Deus.
Fonte: Cpad News
Share on Google Plus

About Eginoaldo Oliveira

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

Breaking News