Justiça manda retirar jogo de site da UOL por ofensa a Maomé

O Clickjogos do portal UOL teve que retirar o jogo Faith Fighter do seu site após decisão judicial.

O Clickjogos do UOL teve que retirar o jogo Faith Fighter do site devido a um processo movido pela Mesquita Mulçumana de Barretos que caracterizou o game como ofensivo ao profeta Maomé.

A ação foi julgada pela 4º Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça que por unanimidade decidiu a retirada do game e o pagamento de uma indenização no valor de R$ 30 mil por danos morais.

O Faith Fighter era um jogo de luta onde os personagens eram figuras sagradas como Deus, Buda, Jesus Cristo e outros. Apesar disso, nenhum líder de outras religiões fez objeção ao game.



O relator do caso, o desembargador Ênio Zuliani, disse que o jogo “constitui uma vulgaridade” por extrapolar a tolerância religiosa. “Embora não seja profano, o jogo causa repulsa a pessoas que não jogam, o que é suficiente para despertar interesse jurídico.”

O jogo não está mais disponível no UOL, mas no Google é possível localizar outros endereços que disponibilizam o game Lutadores da Fé, inclusive para download.

Conferência Islâmica
Em 2009 a Organização da Conferência Islâmica chegou a pressionar a empresa italiana Molleindustria, criadora do jogo, para que ela deixasse de oferecer o Faith Fighter, mas a empresa se recusou a atender o pedido. A Molleindustria criou também a opção “censurada” para o jogo que também está disponível na internet.

Fonte: Gospel Prime
Share on Google Plus

About Eginoaldo Oliveira

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

Breaking News