'Não tive infância', diz Katy Perry a revista Cantora falou sobre relacionamento com seus pais, que são muito religiosos.


Katy Perry falou à revista "Vanity Fair" sobre sua infância. Com pais muito religiosos - seu pai é pastor evangélico -, ela era proibida de ler qualquer coisa que não a Bíblia e não podia ouvir música.

"Não tive infância", disse, explicando que seus amigos levavam CDs escondidos a sua casa para que ela pudesse saber das novidades musicais.

Katy disse também que precisou ir escondida a uma clínica de planejamento familiar quando começou a fazer sexo. "Para eles, era tão ruim quanto fazer um aborto. Mas lá vi que era mais do que apenas evitar gravidez, que poderia saber mais sobre ser mulher e as nossas necessidades. E aprendi a me proteger lá".


A cantora falou ainda que acha que seus pais amadureceram por causa dela. "Às vezes, quando as crianças crescem, seus pais amadurecem junto... Meus pais cresceram comigo. Nós conseguimos conviver bem. Eu já não tento mudá-los mais, enem eles a mim. Nós concordamos em discordar". E diz que seus pais estão felizes com seu sucesso - apesar do sucesso "I Kissed a Girl" (eu beijei uma garota) e de suas roupas provocantes. "Eles estão bem felizes com meu sucesoso. E felizes porque seus três filhos estão bem, longe das drogas e da cadeia".
Share on Google Plus

About Eginoaldo Oliveira

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

Breaking News