'Samba gospel' é sucesso na SP Exposamba, diz compositor

É difícil pensar em samba e não pensar em carnaval, mas o gênero tipicamente brasileiro também faz sucesso num ambiente nada profano: as igrejas. O samba gospel tem lugar no meio religioso, principalmente com jovens. Quem garante é o compositor e escritor sergipano Ledinaldo de Almeida, autor do samba “A Dor da Injustiça”, inscrito na segunda edição da São Paulo Exposamba.

Ledinaldo diz que gosta de escrever e que é uma pessoa religiosa, mas garante que o samba gospel não necessariamente é uma tendência só de igrejas evangélicas. “Sou cristão, não tenho religião definida, quero que minha música seja curtida por católicos, espíritas e evangélicos. Todos os que reconhecem Jesus e seguem os ensinamentos dele”, diz o músico.

Segundo ele, muitos assuntos podem virar tema para um samba gospel. A melodia “A Dor da Injustiça”, por exemplo, fala de um assunto que incomoda muita gente. “Se a pessoa está se sentindo injustiçada, na família, no trabalho, é só acender uma vela e fazer uma prece que o Senhor tudo conserta, para você se livrar de uma injustiça acenda a sua fé que ele conserta tudo. E quem não se sente injustiçado na vida hoje?”, reflete o músico.

Acostumado a fazer músicas em vários estilos, Ledinaldo garante que o processo de compor uma música gospel é completamente diferente. Para ele, nesse caso existe uma inspiração superior. “Eu faço vários ritmos em casa, mas o processo de inspiração da música gospel é diferenciado. Ela tem uma energia a mais. Eu não tenho formação musical, então vem uma inspiração com a letra. Eu posso estar caminhando na praia, ou dormindo e acordo com a música na cabeça. Quando eu chego em casa, eu me sento em frente ao computador e vejo que a música foi enviada praticamente pronta”, revela.

Ele garante que enquanto escreve a letra nem mesmo sabe em que ritmo a música será cantada. “Eu levo a letra para o músico arranjador e ele diz que já está certo. É o músico arranjador que me diz se é um samba ou não. Eu acho que (o processo de inspiração) é divino”, garante Ledinaldo. 

Para ele, as músicas religiosas com ritmos populares atraem principalmente os jovens. “As pessoas mais maduras são mais tradicionais, preferem melodias em forma de hino, mas as pessoas jovens gostam dessas músicas, como o samba gospel, por causa do ritmo animado”, diz ele.

Como Ledinaldo diz que não sabe qual o gênero da composição até que o músico arranjador veja a letra, ele também tem músicas em outros estilos, como rock, pop e forró, entre outros. Mas para ele o samba gospel tem lugar garantido com os jovens cristãos. “O samba está agradando mais do que os outros, principalmente esse pessoal mais jovem que curte uma gente mais alegre. É uma música fácil, então é um louvor alegre, é um agradecimento feliz. Quando você canta você abre uma sintonia com Deus”, reflete o compositor.

Fonte: G1
Share on Google Plus

About Eginoaldo Oliveira

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

Breaking News