Greenpeace realiza campanha no Dia Mundial das Florestas

No dia 21 de março devemos celebrar o fato de elas nos darem sombra, por elas armazenarem milhões e milhões de dióxido de carbono e impedirem que sejam liberados na atmosfera, graças a elas as chuvas se formam e fertilizam os campos. Uma vastidão de animais, das mais diversas espécies, e milhões de pessoas dependem delas para alimentarem-se e abrigarem-se.
Esta personagem tão estratégica no tabuleiro da preservação ambiental é a árvore e, devido à sua importância, a Organização das Nações Unidades criou o Dia Internacional das Florestas. A ideia é criar consciência sobre a necessidade de conservar milhões e milhões de quilômetros quadrados de florestas pelo mundo em benefício desta e das futuras gerações.
O Brasil abriga a maior floresta tropical da Terra e deve enviar o seguinte recado: é possível aumentar a produção agrícola sem avançar sobre a Amazônia. Com a proposta de lei de iniciativa popular pelo desmatamento zero se discute a correlação de força existente na sociedade que é capaz de promover a mudança da velha ordem. Usar motosserras faz parte da velha ordem, algo ultrapassado. O moderno é desenvolver uma economia sustentável que se harmonize com as matas.
Se você considera que é preciso termos uma lei que proteja esta riqueza, assine a petição pelo desmatamento zero. Até agora mais de 900 mil eleitores a assinaram na internet e pelas ruas de todo o Brasil. Baixe a formulário de coleta de assinaturas e participe. Compartilhe com seus amigos e familiares:
Vamos usar nas redes sociais a hashtag #DiadasFlorestas nesta mobilização online. Também haverá voluntários nas ruas coletando assinaturas. Esta é a melhor maneira de dizermos para o Congresso em Brasília que a floresta e seus povos precisam ser respeitados.
Fonte: Greenpeace
Share on Google Plus

About Eginoaldo Oliveira

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

Breaking News